2 de fev de 2016

Retomadas e Reinvenções

Decidi retomar o blog. Ele representou um momento importante pra mim em 2012-2013, ainda sob os efeitos de um período de três meses vivendo nos Territórios Ocupados Palestinos. Lá pude observar o dia a dia de um conflito de décadas, que tem efeitos persistentes sobre a vida de todos, e trazer um pouco da minha visão sobre tudo que ocorria ao meu redor

O blog foi nomeado "Entre Santos e Checkpoints". Procurava, com esse título, ressaltar o caráter contraditório de um espaço ao mesmo tempo cheio de horizontes e cheio de checkpoints (e outros controles de fronteira e de pessoas). Enfim, trazer algo sobre o olhar de quem se sentia vivendo entre a liberdade e prisão, entre o sagrado e o profano. Com o "charme', claro, de uma experiência fora do país, em um local pouco provável para se passar três meses.

Nesta nova fase pretendo manter o mesmo nome para o blog. No entanto, vou transportar as reflexões que fiz em 2012-2013 para uma análise mais próxima do nosso cotidiano. Persistentemente entre limitações (checkpoints, fronteiras) e sonhos (santos, peregrinos), pretendo trazer essa ambiguidade que via na Palestina/Israel para o nosso dia a dia. Enfim, seguir trabalhando com limitações e horizontes, mas com um enfoque mais amplo. 

Vou  retomar a transposição de fronteiras, mas com a consciência de que a vida se reinventa no extraordinário e no cotidiano.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário